Fique atento: homologação deve ser feita no Sindicato

em .

A demissão é sempre traumática para o trabalhador, e pode ficar pior ainda se a homologação não for realizada no Sindicato ou no Ministério do Trabalho.
O Departamento Jurídico do Sindicato tem constatado que algumas empresas vêm fazendo homologações no Tribunal de Arbitragem, provavelmente com prejuízo aos trabalhadores demitidos, que não contam com nenhuma assistência, muito menos têm as verbas rescisórias conferidas se estão corretas ou não.
Vale destacar que a homologação tem de ser feita no Sindicato da categoria ou no Ministério do Trabalho, e nada justifica que a empresa faça no Tribunal de Arbitragem, a não ser que tenha más intenções de enganar o trabalhador, não pagando todos os direitos trabalhistas.
Diante disso, fica a pergunta: se todos os valores da rescisão estão corretos, por que a empresa não homologa no Sindicato ou no Ministério do Trabalho?
O Sindicato dos Metalúrgicos de Santo André e Mauá, a Justiça do Trabalho e o Ministério Público do Trabalho repudiam essa prática desonesta adotada por algumas empresas que enganam o trabalhador no ato da dispensa.
Trabalhador, se a empresa em que você trabalha pratica ou vier a praticar acordos no Tribunal de Arbitragem, denuncie. Ligue ou mande um e-mail ( O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ) para o Sindicato. O Departamento Jurídico tomará as devidas providências legais. O telefone na sede de Santo André é 4993-8999 e em Mauá, 4555-5500.
 
 
 

Fale Conosco

  • Sede Santo André
    Rua Gertrudes de Lima, 202 - Centro - Santo André
    Telefone: (11) 4993-8999 - Veja o Mapa

  • Sede Mauá
    Avenida Capitão João, 360 - Matriz - Mauá
    Telefone: (11) 4555-5500 - Veja o Mapa